A Evangelização é um ato de amor!

É intrigante saber que, nos dias de hoje, várias pessoas ainda não aceitaram a Verdade de Cristo, rejeitando Jesus em suas vidas. Por outro lado, aqueles que receberam a Palavra de Deus e a guardaram em seus corações, acabam em algum momento tentando passar essa informação adiante, no ato da evangelização, mas acabamos encontrando algumas pessoas que se recusam a aceitar e entender a Cristo.

Pessoas que não querem abrir suas mente e seus corações para deixar Jesus entrar. Essa situação pode trazer, a um servo de Deus, um sentimento de frustração, pois todos que aceitam ao Senhor, amam a seu próximo e querem apresentar a todas as pessoas a salvação concedida por Jesus. Então quando encontramos indivíduos que são resistente à Palavra de Deus, acabamos ficando com a sensação de que falhamos no propósito da evangelização. Essas passagens abaixo nos mostram que até Jesus passou por esse tipo de situação. Ele operou milagres, curou enfermos e fez várias maravilhas quando veio ao mundo para ser crucificado, e mesmo assim havia aqueles que não aceitavam a Jesus como Salvador: 

Em João 10:25-28 diz: “Respondeu-lhes Jesus: Já vo-lo tenho dito, e não o credes. As obras que eu faço, em nome de meu Pai, essas testificam de mim. Mas vós não credes porque não sois das minhas ovelhas, como já vo-lo tenho dito. As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem; E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão.”. 
Em João 8:46 e 47 diz: “(...)E se vos digo a verdade, por que não credes? Quem é de Deus escuta as palavras de Deus; por isso vós não as escutais, porque não sois de Deus.” 

Fica claro nesses versículos, que até quando Jesus evangelizou, havia aqueles que se recusaram a aceitá-lo. Isso mostra que quando um servo de Deus se dispõe a pregar, deve ter em mente que sua função é apensas transmitir. Se as pessoas que ouvem vão aceitar ou não, isso já não nos compete, pois o próprio Jesus não interferiu na opinião daqueles que não o aceitaram. Não devemos tentar interferir no livre arbítrio dos outros, ou até mesmo julgar o próximo por causa de sua opinião, nem o próprio Deus age assim, porque nós deveríamos? A evangelização é um ato de amor e o amor não é uma imposição. Ninguém ama por obrigação. Amamos porque queremos, porque sentimos o amor em nosso coração. 

Alguns, do povo Cristão, que na tentativa de evangelizar, não conseguem alcançar o coração do próximo, ficam frustrados, e acabam agindo com fanatismo, tentando impor a Palavra de Deus as pessoas e as vezes até fazem insinuações desagradáveis ou talvez até argumentações que soam como ameaça. Mas tenho certeza, que são poucos. E são pessoas que agem assim, não porque são arrogantes, mas porque não tem sabedoria. Cristãos que agem dessa forma, só fazem com que mais e mais pessoas se afastem da igreja. Todo servo de Deus que se dispõe a evangelizar, deve fazê-lo demonstrando todo o amor que sentimos por Deus e que recebemos da parte Dele. Aprendi que a melhor forma de evangelizar alguém é através do exemplo e do testemunho. Se eu não consigo demonstrar o amor que sinto de Deus, como sou capaz de apresentar um Deus que é amor? 

Se Deus realmente quisesse, Ele poderia fazer de todo ser humano um “robozinho” que acata as ordens Dele sem questionar e pronto! Mas não, Deus quer que cada um de nós O sirvamos porque assim escolhemos, por vontade própria. Deus deseja que nós O amemos, porque queremos amá-lo e não porque devemos. Deus respeita a opinião e a vontade das pessoas, porque os servos Dele não agiriam da mesma forma? Então evangelizadores de plantão... Evangelizar é necessário, mas com sabedoria, pois a intenção da evangelização é aproximar as pessoas de Deus e não afastá-las. Devemos falar da palavra e depois orar pela pessoa, pois só o Senhor pode agir a partir daí. A nossa alçada acaba quando o livre arbítrio do outro entra em ação.

13 comentários:

  1. Muito bom o texto e a mensagem, venho visualizando todos os dias os comportamentos do cristão que confundem o "ide e pregai o evangelho" com "ide e gritai, perturbai, com o evangelho". A imposição com tons de ameaça realmente é uma realidade. Muito triste ver que certas pessoas agem assim. Mas cabe a nós com discernimento para ajudar ensinando e não apenas só criticando.

    ResponderExcluir
  2. muito bom,a verdade é essa,sempre que evangelizamos alguém,queremos que ela venha aceitar a jesus como única salvação,mas não podemos interferir,porém quando DEUS está no negócio não há nada que possa impedir

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito como o tema foi abordado, de forma clara e coesa. Pesquisando sobre o assunto para compartilhar na célula, me deparei com esse tópico deste blog que muito enriqueceu meu trabalho. Que Deus abençoe grandemente o autor!

    ResponderExcluir
  4. Franklin Stem Santos da Silvasegunda-feira, 17 fevereiro, 2014

    PONHA DEUS EM PRIMEIRO LUGAR


    ________________________________________
    Pôr Deus em primeiro lugar significa não o confundir com as coisas que são deste mundo, sejam instituições políticas, tendências econômicas ou classes sociais. Na antigüidade, o César romano era imperador e, ao mesmo tempo, divindade. Quando Jesus disse, "Pois dêem ao César o que é do César e a Deus o que é de Deus" (Lc 20,25), estava estabelecendo a separação da instituição política de Deus.

    Também não se deve confundir a Deus com as coisas que faz o homem. Curiosamente, em nome de Deus fincaram Jesus numa cruz e o assassinaram, pois os fariseus pensavam que era um mentiroso e estava se fazendo passar por Deus. Pensavam que para defender Deus tinham que matar Jesus. Paradoxalmente, mataram ao Filho de Deus defendendo o nome de seu Pai Deus.
    Deus é o Criador de tudo no céu e na terra e é a fonte que dá e provem tudo. Está acima de tudo e de todos, superando o político, econômico e social. Certamente, Deus está presente e vive na Igreja, mas também transcende a Igreja e está em todas partes. Deus sempre está onde exista um ser humano.

    Devemos ter muito claro o lugar que deve ocupar Deus em nossas vidas e o respeito que Ele merece por ser a fonte de onde nasce tudo. Respeitar Deus implica amá-lo, honrá-lo, dar-lhe glória e não permitir que nada e nem ninguém ocupe seu lugar. Respeitar ao Criador significa vê-lo em todas partes e, sobretudo, em cada pessoa em cujo ser está Sua divina presença. Quem desrespeita a dignidade da pessoa não pode estar respeitando a Deus. Qualquer ofensa ou dano que se faz a alguma pessoa se lhe faz também a Deus.

    Todos os seres humanos são Sua imagem e semelhança. Em todos os batizados está Deus de uma maneira plena. Portanto, cada ser é templo do Espírito Santo de Deus. Ainda nos não batizados existe a presença de Deus. No rico ou no pobre, em qualquer pessoa de qualquer raça está o Senhor e todo o ser humano merece respeito por isto.

    Há pessoas que puseram no lugar de Deus seus bens temporários, tais como automóveis, dinheiro, etc. Há também pessoas que, no lugar preferencial de Deus, põem certas pessoas a quem idolatram, seja um artista de cinema, um desportista, um político ou um amante. Isto é um tremenda falta de respeito ao sagrado e divino que é Deus. É terrível, porque Deus sempre deve estar em primeiro lugar e nada nem ninguém pode substituí-lo ou suplantá-lo. Só há um Deus.

    Muita pessoas põe preço a sua alma e vendem seu prestígio, fama, honradez e dignidade ao melhor concorrente. Preferem viver sem moral, com dinheiro e fama, que viver com moral e dignamente sem dinheiro, mas tendo sempre a Deus. Essas pessoas que renunciam à presença de Deus e fabricam seus ídolos, convertem-se em idólatras e ofendem a Deus, afastando-se de sua própria salvação.

    Os homens devem respeitar também a natureza, que é obra de Deus, já que assim se assegura a futura sobrevivência do homem na terra. Quando o homem destroça o que Deus criou, ofende a vontade divina. Ocorre o mesmo com o respeito ao progresso humano, seja no campo científico, econômico ou nos diferentes campos do saber. Tudo o que implique progresso positivo, só e bom se for desejado por Deus. Por isso, respeitar e cuidar do homem também é respeitar a Deus.

    Respeitar o sagrado é pôr sempre Deus em primeiro lugar e não permitir que nada nem ninguém se ponha em Seu lugar. Você coloca Deus em primeiro lugar, ou o deixou de lado por seus deuses baratos ou mundanos? Respeite Deus e o coloque sempre em primeiro lugar.

    ResponderExcluir
  5. Franklin Stem Santos da Silvasegunda-feira, 17 fevereiro, 2014

    É PRECISO RESPEITAR... POR DEUS EM PRIMEIRO LUGAR
    PENE NISSO - NA PRATICA TEM PESSOAS QUE ADORAM (IDOLATRIA):
    Dinheiro, Poder, Casa na Praia; ADORADORES de Carro Novo, Viagens, Sexo; ADORADORES de Filho(a), Esposo(a); ADORADORES de Imagens, Fazendas, Cavalos; ADORADORES de Pastor e ser Pastor; ADORADORES de Titulo - sou evangélico; ADORADORES de Bíblia, ADORADORES de Dízimo...
    E nós Padres, Pastores e Fieis como ESTAMOS?
    É Verdade e ainda propagamos que DEUS é o Senhor e que sempre está em primeiro Lugar nas nossas vidas...

    PERDÃO MEU SENHOR E MEU DEUS...

    ResponderExcluir
  6. muito bom... era tudo o que eu precisava saber ;)

    ResponderExcluir
  7. gloria maria Gregório comunidade evangélica novo viversegunda-feira, 25 agosto, 2014

    Hoje em dia as pessoas estão mais preocupadas com o ter e não o estar com o nosso autor e consumador de nossa fé é muito triste vc ver as pessoas correndo atrás das bênçãos em vez de correrem atrás de amar os nosso próximo e deixar ele realmente comandar as nossas vidas.o que vc está gerando com o que vc está recebendo dele? Pense e reflita a paz a todos não desanimem olhem para jesus

    ResponderExcluir
  8. gloria maria Gregório comunidade evangélica novo viversegunda-feira, 25 agosto, 2014

    Muito bom , que pessoas com algumas dúvidas como eu possam adquirir respostas e também possamos ajudar aqueles que precisem de algo que não estamos conseguindo enxergar em algum determinado tempo de nossas vidas muito obrigado glorias a deus

    ResponderExcluir
  9. gloria maria Gregório comunidade evangélica novo viversegunda-feira, 25 agosto, 2014

    Muito obrigado

    ResponderExcluir
  10. gloria maria Gregório comunidade evangélica novo viversegunda-feira, 25 agosto, 2014

    Agradeço a oportunidade de passar um pouco do que estou aprendendo com o nosso pai celestial e esta sendo maravilhoso aprender cada dia como é bom estar com ele e caminhar em busca lo cada vez mais

    ResponderExcluir
  11. Muito esclarecedor! Texto importante para todos os cristãos! Tudo tem o tempo certo! Deus foi muito paciente conosco, então pq não devemos ser pacientes com o próximo? A paz de Jesus!

    ResponderExcluir
  12. Muito boa a Explicação. Que Deus abençoe a cada dia e cresça na graça e no conhecimento! para honra e Gloria Dele....

    ResponderExcluir

Contador de Visitas Mensal